segunda-feira, 23 de dezembro de 2019

Menino que sofreu picada de escorpião morre em hospital de SP

© DR

Um menino de três anos morreu, neste domingo, 22, em decorrência da picada de um escorpião, em Franca, no interior de São Paulo. A vítima, João Gabriel Borges da Silva, havia sido ferida no peito pelo aracnídeo, quando brincava em sua casa, no Jardim Brasilândia. O menino foi levado para o Pronto-Socorro Infantil e transferido para a Santa Casa da cidade, onde ficou internado. A criança foi medicada e tratada, mas não conseguiu se recuperar.

Já são pelo menos sete óbitos causados por escorpiões, este ano, no Estado de São Paulo. Estatística do Centro de Vigilância Epidemiológica da Secretaria de Saúde do Estado apontava seis mortes até o dia 14 de outubro, quando foi divulgado o último boletim. Os casos haviam sido registrados nas regiões Presidente Venceslau, 2, Franco da Rocha, Marília, São José do Rio Preto e Taubaté. Houve um total de 4.638 casos de picadas no mesmo período.

O número de mortes este ano, até agora, é menor que o de 2018, quando aconteceram 13 óbitos, mas já se igualou ao de 2017. Os acidentes com escorpiões, em 2019, já mataram mais que as picadas de serpentes - 5 mortes -, e aranhas - 1. Ataques de abelha, no mesmo período, foram responsáveis por 8 mortes. No Estado de São Paulo, os ataques mais frequentes e de maior gravidade são causados pelo escorpião amarelo (Tityus serrulatus). A picada do escorpião marrom (Tityus bahiensis), que também é bastante comum, causa muita dor, mas o efeito do veneno geralmente é menos grave.
Por Estadão Conteúdo

Policial militar da Grande SP é atropelado por motorista bêbado

© Reprodução / Facebook 

Um motorista embriagado atropelou um policial militar na madrugada deste domingo (22) em Mogi das Cruzes, na Grande São Paulo. Além do excesso de álcool, o acusado, de 34 anos, também não tinha CNH (Carteira Nacional de Habilitação).
O policial, de 45 anos, foi atropelado por volta das 4h, na Estrada Boa Vista, Parque Olímpico. O agente participava de um patrulhamento junto com outros policiais militares.

O grupo realizava a abordagem de um homem em atitude suspeita, segundo a Secretaria de Segurança Pública, da gestão João Doria (PSDB), quando um Fiat Uno preto avançou contra os PMs.

Além dos policiais, existiam outras pessoas na via, no mesmo lugar por onde o carro desgovernado passou. O motorista fugiu do local e o policial ferido foi socorrido pelo Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência). O estado de saúde do agente não foi divulgado.

Após o socorro, os outros policiais militares que estavam na operação realizaram busca na região e encontraram o motorista. Ele estava na sua própria casa, foi levado para a delegacia e acabou preso.

PRF tem até hoje para voltar com os radares móveis

Polícia Rodoviária Federal (PRF) tem até hoje para voltar com os radares móveis das rodovias federais. 
A determinação da Justiça atendeu a um pedido do Ministério Público Federal, que questionou portaria assinada pelo presidente Jair Bolsonaro em agosto e que proibia o uso dos aparelhos. 
Ao G1, a PRF informou que "já iniciou as tratativas necessárias" para "efetivar o cumprimento judicial".
Via Blog do Magno Martins/Do G1

Petrolândia: Com imagens da natureza estamos desejando á todos vocês um excelente dia e que Deus abençoe á cada um de nós. Bom dia!





Imagens da natureza/Fotos: Tony Xavier
Bom dia Petrolândia, bom dia Nordeste, bom dia Brasil!