quarta-feira, 20 de fevereiro de 2019

Troca de mensagens configura conversa, afirmam analistas

Foto: Arquivo/AFP
Apesar de o presidente Jair Bolsonaro negar, a troca de áudios com o ex-ministro Gustavo Bebianno pelo WhatsApp configura uma conversa, avaliam especialistas em comunicação e mídias sociais. "Uma conversa é a troca de informações em voz entre pessoas, independentemente do canal, telefone, Skype e também por WhatsApp", disse o especialista em comunicação digital Luli Radfahrer, da USP. 

Para o professor e pesquisador da PPGCOM-ESPM, Luiz Peres-Neto, existe uma distinção quando se inicia uma "conversa imediata" e quando ela é feita de forma indireta, como é o caso da troca de áudios. Mesmo assim, não deixa de ser uma interlocução entre duas ou mais pessoas. "A troca de mensagens já configura uma conversa, é uma troca de signos", afirmou. 

"Se uma pessoa decide revelar a conversa, não há nenhum tipo de infração no dispositivo jurídico regular. Quando se conversa com alguém, não se tem controle da resposta do outro, e nem do que ele vai fazer com o que você disse. A partir da existência da liberdade para uma troca linguística, está sujeito a isso", disse ele. "Fico preocupado com a utilização de um aplicativo como esse. Demonstra um certo amadorismo." As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

Por AE

Reforma da previdência: dicas de como se planejar para aposentadoria

© EBC

Nesta quarta-feira (20) o governo apresenta a proposta da refoma da Previdência Social que prevê idade mínima para se aposentar de 65 anos para homens e 62 anos para mulheres, após um período de transição de 12 anos. A proposta pretende sanar o déficit da previdência, que segundo dados do Tesouro Nacional foi de R$ 290,2 bi no ano passado.

Diante dessas incertezas, os brasileiros começam a pensar no que fazer para garantir um futuro tranquilo, já que o dinheiro da aposentadoria pública não é suficiente para a grande maioria dos aposentados, que continuam trabalhando para manter o padrão de vida ou complementar a renda

Para o presidente da Associação Brasileira de Educadores Financeiros (Abefin), Reinaldo Domingos, essa preocupação com o futuro financeiro deve ser priorizada independentemente de questões governamentais.

"Sabemos que a consciência de poupar e se planejar para o futuro ainda é pequena entre os brasileiros, não apenas pela vontade de crescer profissionalmente de forma rápida, mas também pela ausência da educação financeira durante toda a vida, o que faz com que isso seja apenas um sonho distante. A mudança de comportamento em relação ao dinheiro é fundamental para que, no longo prazo, esse esforço seja recompensado", afirma.

Somado a todos esses fatores, há também o aumento da expectativa de vida dos brasileiros. De acordo com os últimos dados divulgados pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), a expectativa de vida ao nascer no Brasil é de 76 anos, o que pode indicar que os trabalhadores se aposentarão cada vez mais tarde.

De acordo com Domingos, o primeiro passo para se planejar para a aposentadoria é pensar em qual padrão de vida a pessoa deseja ter quando se aposentar. "O ideal é começar o quanto antes, já que o tempo é o maior aliado nessa questão. Quanto mais cedo começar a poupar, mais fácil será atingir a quantia desejada. Para isso, existem diversas opções de investimentos, sendo a previdência privada a mais comum para esse finalidade. O mais importante é criar o hábito de poupar tendo o sonho da aposentadoria sustentável como um agente motivador desse movimento"

Fórmula da aposentadoria

Mulher reage a assalto e imobiliza suspeito com 'mata-leão'

© Reprodução

O suspeito de assaltar uma mulher foi imobilizado pela vítima com um 'mata-leão', na manhã de terça-feira (19), no SIA, no Distrito Federal.

Rute Bento da Silva, 38 anos, reagiu ao assalto ao ser surpreendida pelo homem enquanto estacionava o carro próximo ao seu local de trabalho.

A vendedora de carros contou ao G1 que o suspeito abriu a porta traseira do veículo, puxou o cabelo dela e anunciou o assalto. O criminoso teria exigido o celular e a bolsa da vítima, além da chave do automóvel.

Rute é praticante de muay thai há oito anos e percebeu que o homem não estava armado. Ela reagiu e imobilizou o suspeito até a chegada da polícia.

"Ele falava que ia atirar o tempo todo, mas quando dei os meus pertences para ele, olhei pelo retrovisor e vi que ele não estava armado, porque com uma das mãos segurava o meu cabelo, e com a outra os objetos."

LOTERIAS: Nesta quarta Mega-Sena pode pagar prêmio de R$ 32 milhões

Mega-Sena pode pagar R$ 32 milhões nesta quarta (20) — Foto: Marcelo Brandt/G1

O concurso 2.126 da Mega-Sena pode pagar um prêmio de R$ 32 milhões para quem acertar as seis dezenas. O sorteio ocorre às 20h (horário de Brasília) desta quarta (20) em Jundiaí (SP).


Para apostar na Mega-Sena


As apostas podem ser feitas até as 19h (de Brasília) do dia do sorteio, em qualquer lotérica do país ou pela internet. A aposta mínima custa R$ 3,50.


Probabilidades


A probabilidade de vencer em cada concurso varia de acordo com o número de dezenas jogadas e do tipo de aposta realizada. Para a aposta simples, com apenas seis dezenas, com preço de R$ 3,50, a probabilidade de ganhar o prêmio milionário é de 1 em 50.063.860, segundo a Caixa.

Já para uma aposta com 15 dezenas (limite máximo), com o preço de R$ 17.517,50, a probabilidade de acertar o prêmio é de 1 em 10.003, ainda segundo a Caixa.
Por G1

Bom dia Petrolândia, bom dia Nordeste, bom dia Brasil!



Catingueira

Mostrando sempre algo diferente nas manhãs nordestina, o Blog Petrolândia em Foco divulga um pouco de tudo  que acontece e  que existe na região petrolandense, desde á foto especial como a simplicidade do dia a dia nesta área do sertão pernambucano. Isso é Petrolândia, isso é Nordeste, Isso é Brasil. Bom dia